domingo, 30 de outubro de 2011

Amanhã, Amanhã - Conjunto Mota e Costa

Conforme já referimos algures neste blogue, sendo José Cid um dos artistas mais reconhecidos no panorama musical português, foi com naturalidade que ao longo de mais de 40 anos de carreira discográfica as suas músicas têm sido sendo reinterpretadas por outros artistas, nos mais diversos estilos musicais, desde a música ligeira, rock, fado ( incluindo o humorístico), jazz e musica popular, como por exemplo o acordeão e até conjuntos típicos.
Tendo tal facto em mente a partir de hoje tentaremos, sempre que possível, intercalar uma mensagem referente a uma canção de José Cid, cantada pelo próprio José Cid com uma outra mensagem referente a versões dessa mesma canção gravadas e interpretadas posteriormente por outros artistas.
Começamos hoje com uma primeira alusão a uma versão de uma canção de José Cid interpretada por um conjunto típico: Referimo-nos ao tema "Amanhã, Amanhã", interpretado pelo Conjunto Mota e Costa, gravado para a Editora Roda em 1973 ( Roda RPE 1215) tendo como cantador António Teixeira. Naturalmente não temos muitas considerações a tecer sobre a versão deste tema, uma vez que a mesma em si mesmo não é surpreendente na medida em que segue a linha musical normal que o Conjunto Mota e Costa seguia na altura, embora, o Conjunto Mota e Costa não fosse tecnicamente um conjunto típico na medida em que se socorria de uma instrumentalização por vezes bem diversa dos genuínos conjuntos típicos da altura.
Seja como for, de todas as versões que conhecemos do tema "Amanhã, Amanhã "de José Cid, esta versão, sem dúvida, a que mais nos transporta para um estilo radicalmente diferente da versão original, permitindo-nos assim destacar a versatilidade que próprias canções podem revestir ( sejam de José Cid, sejam de outros artistas). Por essa razão, mais por curiosidade, do que por outra coisa, deixamos aos nossos leitores um excerto da canção, com a promessa de que mais atempadamente voltaremos com novas versões.



video


Clique no Play para ouvir um excerto da canção


Sem comentários: